O MITO DO PROFESSOR SANTO E ABNEGADO…

download (1)

O MITO DA PROFESSORA SANTA E ABNEGADA.

O Professor da Emef JOSÉ AMÉRICO DE ALMEIDA, na zona leste de São Paulo. São Miguel Paulista, coloca 3 alunos pequenos de joelhos. Castigo inaceitável,desumano, covarde e brutal. O professor então recomenda para os outros alunos cuidarem para que os 3 permanecessem de joelho até que ele voltasse. O Professor então sai e vai até um bar na esquina da Escola tomar uma cervejinha.Afinal ninguém é de ferro e torturar cansa… Imediatamente uma mãe vizinha da escola foi avisada e entrou na escola de surpresa e foi direto para a sala de aula. Flagrou as crianças de castigo e fez um barulhão…

Todas as instâncias foram avisadas, e o Professor Torturador foi blindado pela corporação, a Escola com o aval da Diretoria de Educação do Município. Por pouco o professor não foi eleito pelo Conselho de Pais e Mestres como Vice Diretor. Fato comum nas Escolas Públicas é promover o Professor se ele for acusado de crime gravíssimo contra aluno.

Para punir o professor foi um trabalho de um grupo, e levou anos.

Claro que foi um trabalho insano, descomunal para levar esse professor até a Justiça onde ele foi exonerado.Levou anos para punir o professor. voltou para a Escola e aposentou dando aula. Se continuou torturando não se sabe, que cuidadoso ele ficou. Pelo menos não se expos mais indo tomar cerveja enquanto estivesse torturando alunos na sala de aula…A Emef José Américo de Almeida, tomou os seus cuidados na medida que não é mais possivel flagrar violência contra aluno. Continua no pior dos comportamentos, embalado na impunidade.

Na “justiça” o professor reverteu a exoneração.

Se esse Professor fosse punido severamente e rapidamente na medida do seu crime, serviria como bom exemplo. Como ele cometeu e foi flagrado cometendo crime de tortura, um crime hediondo e se saiu bem, a Escola José Americo de Almeida não melhora. A Educação não melhora e a violência também.

Escola Pública está falida moral e fisicamente, os órgãos que o povo paga para defender o aluno se tormaram órgaos repressores em conjunto com a Direção das Escolas Pùblicas.

Os pouco Educadores que trabalham na Escola pública, estão tão angustiados quando os pais com o rumo que a Escola Pública tomou. Educadores, pais e alunos estão todos reféns do mito do professor abnegado.

No caso atual estamos denunciando e pedindo ajuda também ao CONSELHO MUNICIPAL EM DEFESA DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE…

Pelo que vemos, parece que a EMEF JOSÉ AMÉRICO DE ALMEIDA, ZONA LESTE DE SÃO PAULO, está apostando tudo na impunidade que ampara a imoralidade a injustiça e a violência da Escola Pública.

Não esperamos que a Escola Pública se torne um santuário, posto que são seres humanos, mas a Escola Pública tem que deixar de ser um antro…

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “O MITO DO PROFESSOR SANTO E ABNEGADO…

  1. Cremilda Teixeira

    Não, muito estranha, imoral e escandaloza é professor cometer crime hediondo e sair assim, livre leve e solto. Isso a gente não estranha mais, mas continuamos tentando fazer a nossa parte. Professor não pode torturar, pai e mão não pode bater, que bater não educa.Quem aprende apanhando acha que para ensinar tem que bater. Esse professor criminoso torturador e todos os da sua turma querem tortura para educar, na covardia