Arquivo do dia: 05/02/2015

A SINDROME DO SAPO ESQUENTADO E OS PAIS DA ESCOLA PÚBLICA DE SÃO PAULO

lounge-empreendedor-sindrome-do-sapo-fervido1

A SÍNDROME DO SAPO ESQUENTADO E OS PAIS E ALUNOS DA E.PÚBLICA.

O professor Sócrates Magno Torres conta que os sapos, se colocados em uma panela de agua quente pulam fora imediatamente, mas se postos em água fria e essa for sendo esquentada lentamente, ele se sente tão confortável que não percebe que a água está ficando além do suportável e quando quer sair é tarde demais…

Achei que é igual ao comportamento dos pais e alunos de escola pública, e principalmente em São Paulo. Desde 2004 que começaram a fechar escolas em São Paulo. Quando começou e fecharam 300 no Estado de São Paulo, o Presidente da Apeoesp Carlos Ramiro de Castro denunciava e como eram 300 no estado inteiro ninguém ligava.

Os pais não se incomodavam se os seus filhos tivessem vaga. Os professores também não, seus filhos estavam em escola particular….

Ninguém fez nada…e o Governo de São Paulo continuou o desmando, deixando a Secretaria de Educação ao Deus dará e esta sem nenhum comando foi apenas trocando de Secretário que fosse de interesse politico partidario do Governador e os alunos sendo desconsiderados cada vez mais e passaram a serem vistos como o problema da Escola Pública e começaram a expulsa-los aos montes.

Hoje a Escola Pública está literalmente torrada,como o sapo esquentado…

Cinzas…

Hoje sai nas redes sociais e repassado de um Jornal do ABCD que só este ano fechou na região 300 salas de aula, deixando 12.000 alunos sem aula.

O Jornal da região divulgou…

A escola particular caiu a qualidade vertiginosamente.

A Apeoesp divulga que 53.000 professores associados e temporários ficaram sem aula…

Cinzas, só cinzas a Escola Pública de São Paulo com a síndrome do sapo esquentado virou cinzas.

Comentários desativados em A SINDROME DO SAPO ESQUENTADO E OS PAIS DA ESCOLA PÚBLICA DE SÃO PAULO

Arquivado em Uncategorized