TORTURA NUNCA MAIS, DESDE QUE SEJA PRATICADO POR PROFESSORES ?

Todo dia 19 lembramos o caso ocorrido na E.E. Octacilio de Carvalho Lopes, onde um aluno foi torturado e o professor acusado da tortura foi promovido a Coordenador Pedagógico na E.E.Adelaide Ferraz de Oliveira na zona leste de São Paulo, por uma manobra da Diretoria de Ensino Leste 4

Segundo a Diretoria os arranhões no pescoço e nos braços do aluno não poderiam ter sido provocados pelo professor que tinha o hábido de roer as unhas …e que poderia chamar o aluno de bicha desde que fosse para cativar o aluno.

Entrevistado pela Rederecord de TV ele confessa diante das câmeras que advertiu o aluno que parasse de rebolar feito bicha. Fato que teria provocado a ira do professor, que insuflou alguns alunos da sala a segurar o aluno de bruços no chão e diante da classe toda o humilhou, subiu entre suas pernas e o esmurrou. Na hora que foi imobilizado ele lutou muito e pode até ser que os arranhões não tenham sido provocados pelo professor o que não torna o fato menos grave e pelo modo com que foi descrito, caractezia sim TORTURA.

Esse professor continua até hoje como Coordenador Pedagógico da E.E.Adelaide Ferraz de Oliveira, e tem sua “turma” ou panelinha e os professores que não aprovam sua conduta nem como professor nem como Coordenador Pedagógico,mas como é protegido da Diretoria de Ensino e blindado, porque seria cabo eleitoral do Alckimin estria cometendo os mesmos abusos de sempre.

Como crime de tortura não prescreve e como no Brasil não se tolera a tortura continuamos perguntando.: Tortura nunca mais, desde que ela não seja praticada por um professor de escola pública ???

Anúncios

Comentários desativados em TORTURA NUNCA MAIS, DESDE QUE SEJA PRATICADO POR PROFESSORES ?

Arquivado em Uncategorized

Os comentários estão desativados.