MÃE DE ALUNO ESFAQUEIA PROFESSORA NA SALA DE AULA.

escola_torturaJUSTIÇA COM AS PRÓPRIAS MÃOS.
Vem a noticia bem pálida, que a mãe da aluna entra na sala de aula e esfaqueia a professora de sua filha.
Imediatamente imagino e me passa um filme na memória, de quantos abusos as duas, mãe e filha passaram nas mãos dessa professora para a mãe chegar a esse ponto. Toda vez que alguém faz justiça com as próprias mãos é que não acredita na Justiça do Poder Constituído
Professor é a profissão mais importante do planeta. Endeusar o professor é um fenômeno exclusivamente brasileiro, que brasileiro é exagerado e emocional em tudo mesmo. Só que ser humano é igual em tudo que é lugar do mundo e se não tiver nada que o detenha ele pode fazer coisas horríveis levado pela impunidade como acontece muito, aliás todo dia aqui no Brasil.
Aqui professor é inimputável, faça o que fizer, se for contra aluno nunca é punido e para traçar um paralelo entre a mãe que esfaqueou a professora da filha na França lembro dois casos recentes ocorridos aqui em São Paulo.
Em São Bernardo do Campo o pai discute com a Diretora da Escola João Ramalho e a Diretora vai até a Primeira Delegacia de Policia e denuncia o pai por desacato. O pai foi punido pela Terceira Vara Criminal, uma punição absurda, escandalosa. O pai já começou a cumprir a pena e a Escola embalada por essa punição apronta outra logo em seguida.Falarei disso depois.
Segundo caso foi em Itu. Denunciei para o Governador e ele me responde que está tudo certo. Protocolei de volta um documento com minha revolta e nesse documento eu escrevi ao Governador de São Paulo, que estou envergonhada dele, com vergonha por ele. Será que ele vai responder de novo ??? De qualquer maneira são dois casos que tenho que relembrar e recontar aqui para não cair fácil no esquecimento.
Isso que acontece aqui são as facadas que o Governador Geraldo Alckimin desfere contra os pais e alunos diariamente. P

Anúncios

Comentários desativados em MÃE DE ALUNO ESFAQUEIA PROFESSORA NA SALA DE AULA.

Arquivado em Uncategorized

Os comentários estão desativados.