Chalita culpa os pais pelo fracasso da escola pública.

“Professor sofre muito. Como a família não faz a sua parte, a criança chega na escola absolutamente desprovida de valores”, diz Gabriel Benedito Isaac Chalita, deputado federal por SP e pré-candidato à prefeitura da Cidade de São Paulo pelo PMDB.

Mais uma vez o discurso místico da professorinha-santa-abnegada versus o aluno-capeta.

Não foi surpresa que esta famigerada entrevista do pré-candidato Gabriel Chalita tenha acontecido justamente em um blog que censura e expulsa as mães e pais de alunos de escolas públicas.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/entrevista-com-gabriel-chalita-candidato-a-prefeitura-de-sp

É curioso notar que o jornalista não fez nenhuma cobrança sobre as graves denúncias que pesam sobre a gestão do ex-secretario de educação do Estado de São Paulo, muitas das quais publicadas no próprio blog:
– desperdício de R$ 2 bi na “má formação de professores”;
– Os R$ 4 milhões do caso das “antenas parabólicas”;
– a fazenda “doada” para a Canção Nova;
– seu aumento patrimonial (mais de 10 vezes, incluindo o apartamento de R$ 4,5 milhões)…

Gabriel Chalita fala na valorização do professor, mas ignora completamente o mau professor que está encostado na escola pública e que não tem o menor interesse em se capacitar.
Qual será a relação de Chalita com o mau corporativismo que impera nas escolas públicas? O sindicato “denorex” (parece, mas não é…) chegou a fazer uma greve contra a decisão do Poder Judiciário que determina a abertura das creches no meio do ano e no final do ano (professor tira férias… creche não tira férias!). Alem disso, os sindicalistas são contra a divulgação dos salários na Educação e nem mesmo aceitam a divulgação das notas das escolas na Prova São Paulo!!!

Chalita defende escola de tempo integral… Mas já combinou isso com os “russos”? com os sindicalistas? Pois eles não aceitam jornada integral e nem dedicação exclusiva a uma única escola… não aceitam serem avaliados pelo desempenho da escola onde vendem aulas… Preferem “manter os pezinhos” também na rede estadual, assim fica mais fácil enganar… Pergunte à ex-prefeita Erundina como é que atuou o sindicato “denorex” em 1992 quando foi aprovada a jornada de 30 horas semanais (20h em sala de aula e 10h extraclasse)… foi só o Paulo Maluf ganhar a eleição para que o sindicato “denorex” fechasse um acordo para reduzir a jornada para 25h exclusivamente em sala de aula, eternizando a escola de meio período(escola motel, nas palavras do saudoso Darci Ribeiro)…

Em relação às creches, Gabriel Chalita defende que sejam feitos convênios com associações… Será que ele sabe que o sindicato”denorex” é contra a política de convênios? E aí? Vai ficar ao lado das crianças e das mães? Ou vai ficar refém das “professorinhas-santas-abnegadas” que odeiam nossas pobres crianças das pobres escolas públicas paulistanas?

Pela entrevista, ficou evidente que o candidato Gabriel Chalita já fez a sua opção preferencial pelas professorinhas-santas-abnegadas; e que vai ignorar os alunos, as mães, os pais e suas entidades representativas. Aliás, exatamente como atuou na secretaria de educação de SP, quando não recebia as mães e nem os pais de alunos; e sonegava as informações sobre as violências praticadas por funcionários, professores e direção escolar contra os alunos.

Por último, mas não menos importante, sugerimos a todos os jornalistas independentes que façam a seguinte pergunta ao pré-candidato Gabriel Benedito Isaac Chalita: o senhor ainda acha normal professor xingar aluno de bicha? (leia aqui: “É normal professor chamar aluno de ‘bicha’, diz secretaria”, Jornal da Tarde – 24-03-2005).

São Paulo, 23 de junho de 2012.
Mauro Alves da Silva
Coordenador do Movimento Comunidade de Olho na Escola Pública
http://movimentocoep.ning.com/

Anúncios

5 Comentários

Arquivado em Alunofobia, Impunidade, Professorinha-santa, Professorzinho-santo

5 Respostas para “Chalita culpa os pais pelo fracasso da escola pública.

  1. Percival

    É por causa desse tipo de gente que não estamos emparelhado, com a educação de outros países, vivemos uma era de oportunistas safados que aproveitam a boa “FASE” monetária que o país vive para ganhar dinheiro, pessoas como esse ai rostinho de gato looks like ex-president Fernando Collor de Mello do qual ganhou a eleição, por causa do êxtase que a grande maioria da mulherada e outros segmentos ai, sentiram e acabaram votando nele, e deu no que todos nos ja sabemos, rombos roubos e o impeachment, nós temos um grande defeito, o defeito de não aprendermos com o nosso passado, e o passado não mente ele diz tudo, na politica o passado de uma pessoa é um fato primordial para que esse seja banido ou não do cargo que irá mexer com nossas vidas seja ele qual for.
    E eu não deixarei essa passar….quando estive na secretaria na praça da republica, na época, para falar com o mesmo Chalita, ele sequer quis saber, ou melhor quando soube do que se tratava mandou uma secretaria anotar e simplesmente, sumiu escafedeu-se, porque para ele, pais, não passam de pessoas que só enchem o saco !!!

  2. Esse é o nosso velho conhecido Gabriel Chalita, que avalizou um documento que dizia ser normal professor chamar aluno de bicha…
    Agora, em entrevista para um blog “chapa branca” e que expulsa pais de alunos de escolas públicas, o Gabriel Chalita, para agradar os 1500 anônimos professores do blog, desfila todo o seu preconceito contra as mães e os pais, chamando-os de sem-moral, irresponsáveis, bêbados e violentos.

    Detalhe curioso: em 2006, jornalista chmava o Gabriel Chalita de “delfim” e de um “furacão” que arrasou a educaçãoem SP… Mudou o Chalita ou mudou o jornalista?

  3. Ciro

    Não gosto do Chalita porém ele disse uma obviedade: parte dos pais acreditam que a escola é um tipo de creche e que deve ensinar o que é de responsabilidade da família, ou seja, valores morais e o respeito ao próximo.A função da escola é a instrução. Com certeza deve ensinar valores, mas os alunos não devem vir a escola como se fossem tábula rasa, existem princípios que uma família não pode abdicar. E não venham com a desculpa da pobreza.Há muitos mal-educados das classes B e C.

    • Cremilda Teixeira

      Ciro, engano seu. Tábua rasa é o que a gente vê na cabeça da maioria dos professores.
      Na escola pública os alunos perdem todo referencial de honestidade e decencia qçue levam de csa

  4. ROBERTO RONERTON

    http://www.facebook.com/teeh.fernandes#!/marcelo.barauna.5

    cremilda este linki ae pertence ao face book de uma professor de escola publica
    TEM ATE REVOLVER DE GROSSO CALIBRE

    o nome dele é marcelo barauna ele da aula na EE MARTINHO DA SILVA DIRETORIA SUL 2