Arquivo do mês: maio 2012

A QUEIXA DA PROFESSORA FERNANDA.

Concordo! Sou professora da rede pública estadual, claro que reclamo das condições em que trabalhamos, mas há sim um protecionismo absurdo dentro de cada escola. Diretores agem como deuses, mandam e desmandam e não estão nem aí para leis. O que acaba se tornando um problema mais amplo, pois os demais funcionários acabam seguindo o péssimo exemplo do gestor. Onde trabalho mesmo, a diretora é uma reacionária que não respeita os direitos dos alunos, pais e mesmo funcionários. Vive inventando leis que só ela conhece e ameaça todos com ações que só ela sabe de onde tirou. Enfim, cuida da escola como se estivesse cuidando de sua própria casa, com suas regras. E de fato, não há muito como denunciá-la. Pois a Diretoria de ensino lhe dá amplo direito de defesa (que dentro do âmbito público não é na teoria tão amplo), a ouvidoria simplesmente não toma qualquer atitude e mesmo a justiça parece não ter qualquer poder nessa área (a mesma já foi processada por uma mãe). Então fica a pergunta “quem pode com esse tipo de coisa?”.

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

QUEM PARTE E REPARTE, E NÃO FICA COM A MAIOR PARTE, OU É BOBO, OU NÃO TEM ARTE.

A escola pública emperrou de vez.As escolas paulistas e paulistanas deram o mau exemplo seguido por todo Brasil.

Lembro que a Prof. Ruth Cardoso reiteradas vêzes declarou que a verba era suficiente para uma escola de primeiro mundo. A ex-Secretária de Educação do Município de São Paulo, Hebe Tolosa Se exonerou do cargo alegando que saia perplexa. Essa declaração saiu em letras garrafais no Jornal Diário de São Paulo. Ela fez declarações bombásticas e disse ter entregado provas ao Ministério Pùblico.Então a roubalheira vem de longa data.
Sabemos que a Pasta da Educação recebe a maior fatia das verbas, que a escola pública além da  verba oficial recebe verba dos grandes bancos particulares e das médias e grandes empresas em geral.
Agora vêm o INEP e o IBGE, declararem que as escolas públicas estão melhores equipadas que as escolas particulares. Como assim ????Onde ???
É possível que receba verba suficiente para isso ou escola de primeiro mundo. Isso não quer dizer que as escolas estão equipadas.
Todo dia  tem aluno reclamando que as escolas são sujas e a merenda é miserável e de péssima qualidade.
Os professores que querem trabalhar reclamam da falta de estrutura e de material.
Ocorre que a corrupção no Brasil é endêmica. O que fomenta a corrupção é a falta de fiscalização. A Escola Pública não tem a mínima fiscalização. Tudo na mão da corporação
Os pais que pagam impostos estão sempre de fora, os poucos, usados de maneira escandalosa e sem nenhuma seriedade, são os pais de Conselho de Pais e Mestres. Nada mais espúrio.
Para piorar a situação vem o mito que professor é santo, abnegado, que nunca erra e que o problema da  escola são os alunos
Aluno em escola pública não é ninguém. Verba de ninguém é verba do mais esperto.
Quem parte e reparte e não fica com a maior parte, ou é bobo ou não tem arte.
Bobo esse pessoal não é mesmo, arte tem  de sobra.

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

SE COMEÇAR A INVESTIGAR TUDO QUE SE REFERE A ESCOLA PÚBLICA EM SÃO PAULO, TINHA QUE FECHAR TUDO E COMEÇAR DO ZERO.

Este trecho eu copiei do blog da Giulia, uma guerreira

Conselho Estadual da Educação sob investigação

O Observatório da Educação, informativo da Ação Educativa, noticia que o Ministério Público Estadual – Grupo de Atuação Especial da Educação, GEDUC, abriu um inquérito civil para investigar a constituição do Conselho Estadual da Educação, CEE. Não há representantes da sociedade civil na composição do CEE e a maioria dos componentes estaria ligada à rede particular de ensino.
.
Esta pode ser realmente uma boa nova, pois não dá para acreditar que profissionais ligados ao ensino particular estejam realmente empenhados em melhorar a educação pública…
Vamos monitorar!”

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Cremilda critica o funcionamento dos CEU’s – Centros Educacionais Unificados.


Cremilda critica o funcionamento dos CEU’s
(Centros Educacionais Unificados).
Assembleia Popular
26-05-2012

https://cremildadentrodaescola.wordpress.com/

O Programa Assembleia Popular é gravado todas as quartas na Assembleia Legislativa de São Paulo. Um resumo é publicado no Diário Oficial da Assembleia Legislativa de SP. E o programa é transmitido pela TV a cabo NET (canal 13) e pela TVA (canal 66) aos sábados, das 20hàs 21h. O programa Assembleia Popular também pode ser assistido neste mesmo horário pela internet no seguinte endereço:
http://wwi.al.sp.gov.br/web/altv/alesp.asx

Veja também:
Cremilda fala para o Lula: os CEU’s são obras faraônicas e deixa crianças fora da escola.

Comentários desativados em Cremilda critica o funcionamento dos CEU’s – Centros Educacionais Unificados.

Arquivado em Alunofobia, Bullying, Geraldo Alckmin, Impunidade, OAB-SP, Professorinha-santa

PROFESSORA ESPANCA ALUNO CEGO, DE SEIS ANOS, E CONTINUA SANTA.

O aluno de seis anos, cego, apanhou de sua professora na saída da escola, hora em que pegava a perua. O motorista da perua, os colegas e algumas mães viram a agressão e se indignaram.

A escola é estadual e fica no Grajaú, periferia de São Paulo.
Pior que o comportamento da professora é o da imprensa que minimizam o fato e relatam que ocorreu “supostamente” que a professora “teria agredido” que ela é “suspeita”
Ora, com tantas testemunhas não é suspeita mais, se fosse um aluno revidando a uma agressão ele já estaria preso. Recolhido na cadeia e a RedeRecord pedindo repetidas vêzes o rebaixamento da idade penal. Outros pediriam que o aluno fosse torturado na cadeia pelo crime feroz de agredir uma santa. Que professora é santa e aluno é demônio em quase todas as expressões da grande imprensa.
Pior ainda é o Jornal Folha.com, divulgar os comentários de professoras : segundo elas o aluno deve apanhar sim, ora…só porque é cego e tem seis anos ? Tem tanto absurdo das defensoras da professora que se você tiver o estômago fraco, não leia.
Tem alguns que dizem que no seu tempo a professora batia sempre na cara dele e se ele reclamasse em casa, apanhava mais. Que se a professora bateu na sua cara é porque ele merecia uma surra.
A Folha dá a matéria e depois divulga a opinião das professoras e tem o cuidade de dizer que não representa a opinião do jornal. Se divulga toda incitação de violência contra alunos e justificativa para quaisquer crimes que professora comete, é sim opinião do jornal…O jornal que permite isso, está de acordo sim.
Estamos perdidos….

16 Comentários

Arquivado em Alunofobia, Bullying, Folha de São Paulo, Impunidade, Professorinha-santa

O juiz Evandro Pelarin acreditaria na aluna Xuxa ou no professor da Xuxa?

No programa Fantástico (TV Globo, 20-05-2012), a apresentadora de programas infantis Xuxa (Maria da Graça Meneghel) fez um depoimento emocionante, relatando que fora abusada sexualmente quando era criança e adolescente até os seus 13 anos de idade. Xuxa, hoje com 49 anos, disse que foi abusada por diversas pessoas, inclusive por um seu professor: “professores… um professor chegou pra mim e disse: não adianta você falar porque, entre a palavra de um aluno e de um professor, eles vão acreditar no professor e não no aluno”.

Estamos esperando a TV Globo e o Programa Fantástico entrevistar o doutor Evandro Pelarin, juiz da Infância e Juventude de Fernandópolis que tem um discurso e atitudes de culpabilização das crianças e de seus pais, até mesmo quando fica evidente que houve omissão ou abuso de agentes públicos… Atualmente, este juiz está em uma “cruzada” para caçar e prender crianças e adolescentes nas ruas de Fernandópolis e em todo o Brasil, numa autêntica volta ao passado da ditadura militar ou mesmo do período escravocrata da famigerada figura do capitão-de-mato… Será que este juiz acreditaria na aluna Xuxa?
Em um caso de conflito entre professor e aluno, o jornal carioca Extra destacou: “O juiz afirmou que, em suas decisões, a presunção é sempre em favor do professor, para manter a ordem dentro das escolas… (…) Pelarin diz que, dentro da sala de aula, quem manda é a professora e ponto final”. (leia aqui).
[No caso da escola municipal Melvin Jones, a aluna não aceitou ser punida pela falta de uniforme escolar. A aluna tentou se desvencilhara do ilegal constrangimento da professora que a mantinha presa na sala mesmo após o término na aula. Ao sair, a aluna empurrou a professora, a qual bateu a mão na lousa e fraturou um dedo. Sem ouvir a aluna e sem avaliar as circunstâncias, o juiz condenou a aluna a trabalhos forçados: varrer a própria escola por 6 meses].

Por último, também desafiamos O Programa Fantástico e a TV Globo a encontrar e entrevistar o professorzinho-santo-abnegado que está sendo acusado de abusar sexualmente da apresentadora Xuxa quando ela tinha menos de 14 anos…

Ou será que a TV Globo também acha que aluno é capeta e professor é sempre santo?

São Paulo, 25 de maio de 2012.
Mauro Alves da Silva
Movimento Comunidade de Olho na Escola Pública
http://movimentocoep.ning.com/photo

12 Comentários

Arquivado em Alunofobia, Bullying, Impunidade, Professorzinho-santo, TV Globo

AS ESCOLAS CONTINUAM COMETENDO OS MESMOS CRIMES, ATÉ QUANDO, MEU DEUS, ATÉ QUANDO ????

senhora cremilda
estou muito revoltada

estive antes de ontem na diretoria sul 2 para reclamar da escola paulooctavio de azevedo pq esta escola esta espulsando meu filho tudo que acontece na escola falam que é ele
fui lá para resolver meu problema pois a diretora da escola uma tal de nadia não quis me receber pq eu chegeui na escola a noite para saber o que aconteceu com meu filho pois a escola me convocou e a diretora não me recebeu el me trtou com toda estupidez do mundo , fiquei revoltada com isso, fui ate a diretoria e a solução foi transferir meu filho de escola e so tem vga em escolas longe da minha casa a diretora mandou meu filho ir pro inferno e mandou ir pra otro lugar
esta diretora mautrato os pais e fala palavrao com os alunos e trata todos como se fossem cachorros

peço ajuda pois ja não sei mais para quem apelar
meu nome é sandra silva santos meu fone é e meu filho se chama xxxxxxxxxx

me ajuda
estou mmuito nrvosa com isso
eu trabalho o di todo e não consigo estar na escola a hora que a diretora qer

me jude por favor

obrigado

9 Comentários

Arquivado em Uncategorized