Arquivo do dia: 28/03/2012

EM LONDRINA, PAI HUMILHA FILHO PELO JORNAL PARA MOSTRAR QUE É PAI PRESENTE E AGRADAR A PROFESSORA.

Só ler nos comentários do JORNAL FOLHA.COM, por exemplo, no caderno Saber, como se comporta a maioria dos professores.
Odeiam os alunos, ofendem e insultam os pais.
Quando é divulgado o caso do aluno que atirou na professora e se matou, os professores acharam que morte era pouco para o aluno. A professora está viva, mas pedem o fogo do inferno para o aluno, tal o ódio perverso que tem pessoas que exercem uma profissão para a qual não estão preparadas e nem tem vocação.
Sabemos que os professores incitam os pais a violência contra seus filhos. Responsabilizam os pais pelo fracasso da escola.
Os pais para mostrarem que são presentes castigam e humilham seus filhos de forma bastante cruel.
Nem por um momento esses pais “justiceiros” ouvem seus filhos e perguntam se eles tem razão.
Temos sempre recomendado aos pais que fiquem do lado dos seus filhos mesmo quando eles erram . Não do lado do erro, mas do lado do filho para que aprenda que errar é humano e errando também se aprende.
Esse pai de Londrina obrigou o filho a se desculpar pelo Jornal de Londrina.
Pela legislação, tando o pai quanto o jornal feriram o ECA, que proibe que se exponha uma criança ou adolescente em situação constrangedora e vexatória.
Nesse caso não vai acontecer nada, o aluno levará esse trauma porque afinal é aluno de escola pública e esse não é ninguém neste pais.
Assim sem poder contar nem com os pais e nem com a escola, fica dificil contar com o futuro neste pais e nem com a construção de uma Cultura de Paz, justa e ordeira.

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Professora e monitora obrigam alunos a tirar a roupa em escola de MG.


Telejornal Hoje – TV Globo – Edição do dia 27/03/2012

27/03/2012 14h46 – Atualizado em 27/03/2012 14h51
Professora e monitora obrigam alunos a tirar a roupa em escola de MG
Segundo os alunos, de oito e nove anos, tudo aconteceu pela suspeita de que um deles havia roubado R$ 32 da bolsa da monitora. A polícia está investigando o caso.

Onze crianças, de oito e nove anos, acusam a professora e uma monitora de obrigá-las a tirar a roupa para revistá-las, em São Gonçalo do Sapucaí, no sul de Minas Gerais. O motivo teria sido a suspeita de que os alunos pegaram R$ 32 da bolsa da monitora. Tudo aconteceu na Escola Municipal Nossa Senhora Aparecida, na terça-feira (20).

3 Comentários

Arquivado em Alunofobia, bonequinho-playmobil, Impunidade, Professorinha-santa, TV Globo