Arquivo do dia: 06/12/2010

CONSELHO DE ESCOLA E CONSELHO DE CLASSE SÃO MASSACRES DA SERRA ELÉTRICA.

Só chega em Dezembro na escola pública o aluno bem bonzinho. Aquele que suportou abusos psicológicos, alguns até apanharam, outros foram espancados mesmo. A maioria não aguentou e desistiu sob livre e expontânea pressão.
Toda escola de São Paulo, toda, tem aluno fantasma.
Aluno que desistiu no começo do ano e virou um traço.Outros desistiram meses depois. Continua nas listas para a Diretoria de Ensino e Escola, receberem verbas.
Algumas escolas de 40 alunos ficam com 25 que é o número máximo.
Normal escola que começa com 40 aluno e termina com 5.
Coisa simples e fácil de investigar,só chegar em qualquer escola da cidade de São Paulo por exemplo e entrar numa sala de aula em meados de Novembro, perguntar aos alunos e conferir com as listas. Quando mais pobre a clientela da escola menos alunos sobrevivem ao “massacre da serra elétrica”
Tem na escola os tribunais e exceçao. São os Conselhos de Pais e Mestres e Conselhos de Classe.
Alí, alguns alunos que escaparam dos Conselhos de Pais e Mestres não escapa do Conselho de Classe, que é um massacre mesmo. Professores falando mal dos alunos, e aquele que descobre algo de reprovável na vida pessoal do aluno, expões alí e pede a cabeça do aluno.
Não sei qual o pior. Se é o professor que no Conselho de Classe aprova todo mundo, ou aquele que reprova aluno que chega na oitava série sem saber ler e escrever.
Um aluno que chega na oitava série sem saber ler e escrever reprovou todos os professores que passarem por ele, mas vão continuar na rede pública sendo considerados por todos e pela imprensa como santos, abnegados e inimputáveis.
O aluno é um verdadeiro herói um sobrevivente do “massacre da serra elétrica”, tratado sem o menor respeito em nehuma instância, muito menos no Conselho de Classe.
Se conseguiu sobreviver oito anos na escola falida moralmente, violenta, cruel e que dá maus exemplos, tem como premio, sua aprovação sem estar minimamente alfabetizado.
O aluno rebelde fica pelo caminho, o aluno bonzinho mas que não aprendeu nada, recebe como presente no final do ano a aprovaçao como presente.
Um presente de Grego.

3 Comentários

Arquivado em Uncategorized