Arquivo do dia: 04/12/2010

PARA QUE SERVE A AVERIGUAÇÃO PRELIMINAR NA ESCOLA PÚBLICA ???? PARA NADA !!!

Não serve para nada . Pelo contrário, atrapalha. Temos dois exemplos que a Averiguação Preliminar feita na escola pública estadual de São Paulo não apura nada. Funcionam com advogadas de defesa do professor que comete abusos.
Temos dois exemplos: um do caso das escolas Adelaide Ferraz de Oliveira e Octacilio de Carvalho Lopes na Zona Leste ocorrido em 2004 que acompanhamos até hoje, e o caso em pauta, Escola Lucas Rosquel Rasquinho, zona Sul.
A escola teve um diretora e sua equipe afastada num processo longo. Veio uma nova diretora e os professores acostumados com a corrupção e tudo solto, não gostaram da gestão da nova diretora.
Queriam como antes, onde a bagunça imperava, a violência contra aluno, as aulas de má qualidade e a corrupçao.
A nova diretora sofreu pressão e ameaça e foi afastada . Então abriu-se duas averiguações preliminares. Onde vários supervisores da averiguação ficaram duas semanas na escola. Um deles foi na reunião da COGESP acompanhando o dirigente e disse que nao tem nada de errado na escola. CASO GRAVE DE CEGUEIRA ….
Tanta denúncia que se a escola pública fosse levada a sério,se não fosse um mero cabide de emprego para muita gente, seria caso de policia. Se o aluno fosse a prioridade, estava tudo tão claro e cristalino…
Caso de demissão de pelo menos 30 dos professores e agentes operacionais, demissão a bem do serviço público. A desculpa que nao podem demitir um efetivo, vai para o chão. Os piores são temporários e uma delas, apenas uma efetiva e em periodo probatório.
Uma senhora, foi na reunião da Cogesp representar os pais, não tem filhos na escola e foi a que teria ficado na porta da escola escondida e vestida de preto, campanando a diretora,estaria com objetivo de agredi-la, segundo comentários ela estava ali ameaçadora .De vez em quando uma professora da banda podre descia e ia falar com ela
O que motivou essa senhora ninguém sabe. Aparentemente ela não teria motivos, uma vez que nem filho na escola tem e mora um tanto longe ..
O caseiro e secretário da escola .pessoa de bem que está a favor da diretora nova, denunciou isso e não se sabe se consta nos relatórios.
Um fato grave desses já seria o suficiente para se dizer que há sim algo de podre nessa escola.
Os supervisores de ensino não sabem disso ????
Essa senhora esteve na reunião levada pela Apeoesp e se identificou como representante da comunidade ????
Atualmente a escola está vazia. Ontem tinha menos de 20 alunos na escola toda.
E o representante da PCOP disse que esta tudo bem na escola ?
Bem para quem, cara pálida ?

4 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Cremilda Dentro da Assembléia Popular – 02/12/2010.

Institucionalização

Cremilda Estella Teixeira, do Núcleo de Apoio a Pais a Alunos (Napa), falou sobre a violência imposta a crianças nas creches particulares. “Imagine então o que acontece nas creches públicas, onde as crianças morrem que nem galinha”, comentou. Ela comparou a escola e a creche públicas a uma fortaleza na qual “o filho chora e a mãe não vê”.

O Programa Assembleia Popular é gravado todas as quartas na Assembleia Legislativa de São Paulo. Um resumo é publicado no Diário Oficial da Assembleia Legislativa de SP. E o programa é transmitido pela TV a cabo NET (canal 13) e pela TVA (canal 66) aos sábados, das 12h às 13h. O programa Assembleia Popular também pode ser assistido neste mesmo horário pela internet no seguinte endereço:
http://wwi.al.sp.gov.br/web/altv/alesp.asx

Comentários desativados em Cremilda Dentro da Assembléia Popular – 02/12/2010.

Arquivado em Impunidade, Prêmio IgNóbil de Educação, Professorinha-santa