Arquivo do dia: 01/12/2010

UMA IMAGEM VALE MAIS QUE MIL PALAVRAS. IMAGEM E SOM AINDA VALEM MAIS .

Uma imagem vale mais que mil palavras. Uma imagem com som e movimento é incontestavel.
O movimento da Escola Estadual EE Lucas Roschel Rasquinho – zona sul de São Paulo – é um movimento politico partidário encampado pela Apeoesp (sindicato de professores).
Querem a diretora Mathilde fora da escola. Segundo a diretora, existe um grupo de professores e funcionários que não querem trabalhar e maltratam os alunos.
Dessa escola saiu exonerada uma diretora depois de um longo processo onde ela teve amplo direito de defesa. Exonerada por corrupçao inclusive. A turma dela ficou, e não se conforma.
No caso da antiga diretora ela não cobrava nada de nenhum professor, nem podia.
Agora a nova diretora inclusive colocou falta para os professores que estavam de greve, e desde então não lhe deram tréguas e diante de pressão e ameaça a diretora foi afastada provisóriamente.
No vídeo colocado na internet fica clara a situaçao.
Um carro de som da Apeoesp e dois integrantes vestidos de vermelhinho. Devidamente aparatados para a guerra partidária .Gritavam palavras sem muito fundamento e faziam ameaças que nao sairiam da frente da escola enquanto a situação não se resolvesse. Sairam e pelo que estamos vendo, perderam essa parada que era injusta mesmo.
Um grupo de pessoas que pareciam ser professores e os alunos das aulas que foram suspensasestavam na frente do carro de som.
A professora que falava em nome da categoria, distribuia panfletos da Apeoesp e dizia que a diretora, falava que as pessoas do bairro eram sujas e porcas.
Essa professora que aparentemente lidera o movimento contra a diretora que quer moralizar a escola, está em período probatório, mas segura com a sua efetivação, deita e rola.
Ela ao invéz de fazer esse tipo de fofoca e de colocar a comunidade de modo torpe contra a diretora, devia informar também que a diretora vivia brigando com ela por encontra-la sempre fora da sala de aula fazendo rodinhas nos corredores.
Não acreditamos que a diretora chama a comunidade de suja e porca, uma vez que lutou tanto para colocar a escola em ordem e está disposta a ficar.
Devia colocar os dois lados e os alunos julgariam.
Dizer que a diretora chamou a comunidade de suja e porca é fácil, dificil é provar e dificil é fazer um movimento legitimo contra uma direção corrupta como foi feita anteriormentem com apenas dois professores abnegados e honestos, que conseguiram a adesão de boas pessoas que ainda estão na escola onde juntou provas cabais.
A Apeoesp devia sim defender os direitos dos professores. Na medida que leva um carro de som diante de uma escola, para apoiar o direito dos professores fazerem baderna na escola e fofoca da diretora incitando o povo a violência de modo torpe e insano, o Sindicato maior do Brasil se apequena enquanto a valentia da diretora se agiganta.
Aqueles brados daquela professora dando aquele lamentável exemplo me soou assim:
Fora dignidade. fora trabalho ! Fora honra dos professores. Fora escola de qualidade !!!

4 Comentários

Arquivado em Uncategorized