Boletim de Ocorrência sobre Violência Escolar

Devido a muitas queixas de alunos, mães e pais contra a violência escolar, estamos divulgando a proposta de um formulário padrão de Boletim de Ocorrência sobre Violência Escolar.
Este Boletim deverá conter as seguintes informações:

Nome da Escola:
Endereço da Escola:

Nome do aluno:
Série que estuda
Classe:
Período:
Nome da mãe, do pai ou responsável:
Endereço:
Telefone para contato:
E-mail:

Dados da Ocorrência:
Endereço do Fato:
Tipo da ocorrência: agressão, xingamentos, cobrança de taxas, etc.

Detalhes da Ocorrência:
(Breve resumo do acontecido)

continua…

About these ads

6 Comentários

Arquivado em Boa Notícia

6 Respostas para “Boletim de Ocorrência sobre Violência Escolar

  1. porque minha esvola passa qualquer um sem saber de nada da minha sala todos passar sem saber de nada ?
    por isso agora

    • Cremilda Teixeira

      Andressa na sua sala passa todo mundo sem saber nada, porque os professores não ensinaram nada.
      A culpa do aluno não aprender é que falta bons professores para ensinar direito
      Comecem a cobrar isso.
      Escola boa é para ensinar, não é para reprovar e nem passar o aluno sem saber nada.

  2. cacau

    Tem um BO fresquinho que foi feito contra alunos da EE Lucas Roschel Rasquinho
    pela coordenadora e a mulher que cuida dos alunos na escola.
    Foi na DP mais próxima …
    È so confirmar……

  3. Cremilda Estella Teixeira

    Ah…esse infeliz desse “continua”
    O pior é quando não continua

  4. cristiano

    Uma sobrinha minha não estava mais conseguindo ir à aula porque havia três meninos que cometiam toda espécie de barbaridade (agrediam colegas, riam da cara de professores enquanto tumultuavam as aulas e INTIMIDAVAM alunos que, como minha sobrinha, queriam estudar). Meu irmão foi obrigado a transferir minha sobrinha para outra escola porque os três meninos em questão tinham que ter assegurado o seu direito de permanecer naquela escoila, ainda que eles não queiram estudar e não queiram deixar pessoas como minha sobrinha estudarem. E onde fica o direito da minha sobrinha?

    • Cristiano,
      Essas denúncias são graves.
      Faltam detalhes.
      Quais foram as medidas tomadas pela direção da escola? Qual foi a medida tomada após a primeira denúncia? E na 2ª denúncia? e na 3ª… assim por diante?
      Existem várias medidas pedagógicas que podem ser tomadas para proteger todas as crianças… não dá para ficar “expulsando crianças”, até mesmo porque elas irão para outra escola… e o “problema” possivelmente continuará.
      AGuardamos maiores informações pelo e-mail cremildateixeira@ig.com.br
      A “